Casa Bielmann – Rios / Rob Dubois

Curadoria de Clara Ott
Traduzido por Lis Moreira Cavalcante

 
 

© Jordi Miralles

Descrição enviada pela equipe de projeto. A Casa Bielman – Rios é uma casa unifamiliar independente, localizada em Santa María de Palautordera, perto de Barcelona e situada em um terreno inclinado de 700 m². Apresenta um porão de 102 m², um piso térreo de 94 m² e um primeiro andar de 84 m². A casa também inclui uma piscina, posicionada na porção sul do edifício. No briefing, o cliente insistiu, por um lado, em ter um piso térreo diáfano completamente livre, com vistas sem obstruções dos arredores e, por outro lado, instalações autossuficientes de aquecimento, resfriamento e fornecimento de energia para satisfazer as normas necessárias no combate dos efeitos das mudanças climáticas.

 

© Jordi Miralles
Planta Baixa
© Jordi Miralles

A casa foi concebida como um volume retangular claro posicionado paralelamente às ruas que limitam a propriedade, para poder oferecer vistas para o Montseny e aproveitar ao máximo o jardim atrás da casa. É uma casa com a máxima superfície possível de vidro na fachada, que permite aproveitar a situação privilegiada do terreno com as suas vistas amplas para o Montseny, e com uma distribuição totalmente diáfana.

 

© Jordi Miralles

A parte oriental da casa (a sala de estar, entre outros cômodos) foi concebida como um espaço de pé-direito duplo que dá para o jardim através do monumental pano de vidro com perfis de alumínio preto. O pavimento superior contém os cômodos que exigem mais privacidade. Uma laje de concreto parece dobrar-se por todo o volume do edifício, que inclui balanços generosos que impedem o sol de chegar nos espaços interno durante o verão e, portanto, é protegido contra o superaquecimento nessa estação.

 

© Jordi Miralles

Uma instalação baseada em energia geotérmica e bomba de calor foi integrada aos andares e aquece a casa no inverno e a resfria passivamente no verão. Além disso, os painéis solares ocultos na cobertura tornam a casa praticamente independente da rede elétrica. A água da chuva do telhado é capturada em um tanque de 20 m³ que foi escavado no jardim e é usada para regar a vegetação.

 

© Jordi Miralles

 

Arquitetos: Rob Dubois
Localização: Espanha
Ano do Projeto: 2016
Fotografías: Jordi Miralles
Fabricantes: Onok Lighting, FRANKE, SMA, Thermia, Ledbcn, Duravit, Rovira, JUNG, BYD Fotovoltaica, Simón, Siemens, Reynaers, Ikea, BenQ, Saitra, VerPan, VIDRESIF, Vidrebany, Teka
Arquitetos Colaboradores: Estudi 40 – Jordi Fontanella
Construção: Construcciones Tejera
Trabalhos em Aço: Yerga Serrallers S.L.
Marcenaria – interiores: Disseny les Agudes
Trabalhos em Alumínio – exterior: Cristalleria Morató
Instalações: Instal·lacions Clos S.L.
Instalações geotérmicas e fotovoltaicas: Engiaux S.L.

 
 

Disponível em: https://www.archdaily.com.br/br/917387. Acesso em: 06/06/2019.

 

Share your thoughts